29
Set 09

Desde de o maldito Eric me fez beber um pouco do seu sangue, tudo encenado claro! Com a mentira da bala… fazendo-me acreditar que estaria a morrer… sou mesmo estúpida… mas enfim, embora ele saiba como me sinto cada dia. Ainda bem que ele o sabe pois deste modo, saberá que o meu coração será só do Bill, embora eles nestes dias ande um pouco esquisito, não sei o que se passa!

Tentei falar com ele por várias vezes, e das poucas vezes que falamos ele não é o mesmo comigo, não percebo!

Vou a casa dele, não o encontro… chamo por ele e nada!!! Mas que raio Bill onde estás tu?

De repente:

- Sei onde ele está!

Era o Eric, mas como… pois claro, bebi do seu sangue e ele sabe como me sinto e onde estou.

- Mas como? – Respondo eu confusa… como saberia ele onde Bill estava e eu não!

- So numa frase: Ele está em Jackson. E lá existe um clube, mas que é demasiado perigoso para ti! O Clube de Sangue!

- Mas onde?como? – Respondo de novo.

-Quero ir la ter com ele! Porque ele pode estar a precisar de mim, da minha ajuda! Embora ele esteja estranho nestes dias, não o posso deixar! Quero ir ter com ele! – Digo com a minha maior determinação.

- Ok! Eu mando alguém levar-te ao local! Mas terás que ir infiltrada, não poderá entrar de qualquer maneira! Como já te disse minha querida Sookkie, é um local demasiado perigoso para ti! É onde nós nos encontramos para tomar um copo de O negativo!

- Já disse que vou! Vou correr esse risco!

E aqui estou eu à porta do Clube de Sangue. Passaria despercebido se não fossem os fãs dos vampiros! Eu também serei uma fã? Bem no meu fundo eu sei que não!! Eu amo o Bill e ele a mim!

Consigo entrar, infiltrada, fazendo-me passar por uma fã! Mostro as marcas que o Bill faz quando se alimenta de mim…. Temos um trato ele não se alimenta de mais ninguém a não ser de mim…. Mas ele anda tão estranho… a evita-me! Quero saber o que se passa e por isso estou aqui neste ninho!

O bar tem um estilo, que eu nunca pensaria que teria! Um ambiente agradável, onde não se comportam como animais! Mas ao mesmo tempo torna-se perigoso porque todos os vampiros passam por ali!

Olho à minha volta! Os vampiros conseguem ser seres deslumbrantes e lindos!! Todos os vampiros são lindos!

Vou até ao balcão e peço um copo de vinho tinto (claro!), e falo um pouco com o barman, Digo-lhe porque estou aqui para servir de alimento e com quem posso falar.

Ele para não variar é lindo! E diz-me que me dirija ao dono do bar e que este se encontrava atrás das cortinas, pois era uma zona reservada! Nem todos podiam lá ir! Mas eu posso! Eu tenho que ir!! E lá estou eu! não há nada que eu não consiga! È determinação de família! Aí avó que saudades tenho de ti!! Mas não me posso distrair! Respiro fundo e encarno o meu papel de “comida fresca”!

O choque foi tenebroso, Bill, o meu Bill, é o dono do dito Clube de Sangue! E está a alimentar-se de outra pessoa! E essa pessoa não sou eu! Porquê? Não entendo! Sintou-me confusa, agoniada!

Sai-o a correr, nunca deveria ter vindo ao bar! O Bill nem merecia que eu me importasse com ele!!

De saída tenho outra surpresa… Eric encontrasse à minha espera… Maldição…. Ele sabe o que estou a sentir….

publicado por sangue-fresco às 22:32

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO